[Cmi-mulheres] Re: [PSL-mulheres] mobilização contra o fechamento da secretara de mulheres

T W t_k_wells em yahoo.com.br
Terça Junho 28 07:17:05 PDT 2005


a questão é: será que precisamos mesmo de uma
secretaria que pense as questões da mulher se a
auto-organização e a autonomia são conceitos que já
fazem parte do nosso trabalho? precisamos sim de
mecanismos de financiamento para nossos projetos, mas
a representatividade já está desgastada em todas as
esferas políticas e sociais existentes - e não é
restrito a esse governo. resta-nos saber como
acessamos
o dinheiro puúblico, que é nosso mesmo,
independentemente de nossas origens. formas de
incentivar a participação popular nos processos
públicos é uma luta da mulher, que existe antes e
depois das secretarias.. acho..

x t 



--- loimar em softwarelivre.org escreveu:

> Está no site do Projeto Software Livre Mulheres
> http://mulheres.softwarelivre.org/news/4339
> Abraços e nós apoiamos essa iniciativa!
> Loimar
> 
> 
> Citando t <tati em midiatatica.org>:
> 
> >
> > --- Geisa - Quitéria <portalquiteria em yahoo.com.br>
> escreveu:
> >
> >> Para: Portal Quitéria
> >> <portalquiteria em yahoogrupos.com.br>
> >> De: Geisa - Quitéria
> <portalquiteria em yahoo.com.br>
> >> Data: Tue, 28 Jun 2005 09:49:32 -0300 (ART)
> >> Assunto: [QUITÉRIA] As sinalizações do governo
> sobre
> >> Secretaria Especial Políticas Públicas para as
> >> Mulheres=
> >>
> >>
> >> Gente,
> >>
> >> Pode parecer que não adianta nada, mas barulho
> >> sempre dá em alguma coisa. Então façamos o nosso.
> >>
> >> A mobilização está na capa do site do CFEMEA
> >> www.cfemea.org.br
> >>
> >> A reforma das secretarias foi adiada, mas isso
> não
> >> significa que a ameaça acabou.
> >>
> >> As meninas do CFEMEA tb pediram para enviar este
> >> -amil para:
> >>
> >> Clara Ant e Miriam Belchior, que segundo
> informes,
> >> estão defendendo que as "Secretarias", inclusive
> a
> >> SPM, percam o status de Ministério.
> >>
> >> Clara Ant é a secretária pessoal do presidente
> Lula
> >> e tem um poder d einfluência enorme sobre ele.
> >>
> >> Clara Ant <clara.ant em planalto.gov.br>; Miriam
> >> Belchior mbelchior em planalto.gov.br>
> >>
> >> ----------------------------
> >>
> >>
> >>
> >> Apoio à SPM, SEPPIR e SEDH
> >>
> >> À
> >>
> >> Sua Excelência Luís Inácio Lula da Silva
> >>
> >> Presidente da República Federativa do Brasil
> >>
> >>
> >>
> >> Exmº Sr Presidente,
> >>
> >> nós, articulações, redes e fóruns de movimentos
> >> sociais abaixo-assinados, recebemos com
> >> estarrecimento e indignação as notícias sobre a
> >> possível extinção das secretarias de Políticas
> >> Públicas para as Mulheres, Promoção da Igualdade
> >> Racial e Secretaria de Direitos Humanos e sua
> >> incorporação à Secretaria Geral da Presidência.
> Os
> >> motivos apontados para tal mudança seriam lógicos
> se
> >> não fossem equivocados e injustos, pois alegar
> >> questões de austeridade, enxugamento da máquina
> >> pública, com vista a coibir a corrupção, tendo a
> >> supressão dessas Secretarias como um dos eixos é
> >> desfazer e desrespeitar não apenas os acordos e
> >> compromissos que este governo assumiu com os
> >> movimentos sociais, mas sua inicial disposição
> >> política para saldar uma dívida histórica com a
> >> sociedade brasileira, sociedade esta estruturada
> >> pela violência, o sexismo e o racismo.
> >>
> >> A atual crise política, contexto em que se coloca
> a
> >> proposta de reforma ministerial, traz à tona mais
> >> uma vez o quanto os interesses privados dos
> grupos
> >> dominantes na sociedade brasileira se sobrepõem
> aos
> >> interesses públicos e a construção do bem comum.
> >> Desta forma, o governo brasileiro não pode
> efetivar
> >> a extinção dessas secretarias sob o risco de
> >> reforçar posições políticas nas quais a
> democracia,
> >> a justiça , a cidadania e a igualdade são
> palavras
> >> vazias.
> >>
> >> Para nós não é possível, por coerência ético
> >> política, aceitar qualquer retrocesso que
> implique
> >> em restrições na implementação de políticas
> >> públicas, estreitamento dos espaços da
> participação
> >> popular e destituição da legitimidade pública das
> >> questões dos direitos das mulheres, promoção da
> >> igualdade racial e direitos humanos conquistada
> >> pelos movimentos sociais e reafirmada pela
> >> existência e ação das referidas Secretarias.
> >>
> >> O objetivo de superar as desigualdades e promover
> a
> >> justiça é prioritário einadiável. A estrutura do
> >> estado tem de estar, desde já, organizado e
> >> orientado a abrir caminhos para garantir
> condições
> >> de vida dignas para todas e todos, caminhos para
> a
> >> efetiva e substantiva universalização dos
> direitos
> >> que levem em conta os diferentes pontos de vista
> de
> >> cada um e cada uma e que assegurem patamares
> >> diferenciados de acesso ás políticas públicas aos
> >> grupos que estão submetidos às múltiplas formas
> de
> >> opressão e discriminação.
> >>
> >> Por isso reivindicamos a manutenção da Secretaria
> >> Especial de Políticas para as Mulheres,
> Secretaria
> >> Especial de Promoção de Políticas para Igualdade
> >> Racial e Secretaria Especial de Direitos Humanos,
> >> bem como a ampliação das suas dotações
> orçamentárias
> >> para que o Governo Brasileiro possa realizar seus
> >> compromissos com a eliminação de todas as formas
> de
> >> desigualdades.
> >>
> >> Acreditando que o Governo Brasileiro está aberto
> ao
> >> diálogo com vistas à construção de um novo modelo
> de
> >> Estado baseado na ética, transparência e
> democracia
> >> subscrevem:
> >>
> >> Articulação de Mulheres Brasileiras - AMB
> >>
> >> Associação Brasileira de Organizações Não
> >> Governamentais - ABONG
> >>
> >> Rede Nacional Feminista de Saúde, Direitos
> Sexuais e
> >> Direitos Reprodutivos
> >>
> >> Católicas pelo Direito de Decidir
> >>
> >> Fórum de Entidades Nacionais de Direitos Humanos
> >>
> >> Plataforma DHESC
> >>
> >> Articulação Negra de Pernambuco
> >>
> >> Articulação de Ongs de Mulheres Negras
> Brasileiras
> >>
> >> Jornadas Brasileira pelo Direito ao Aborto Legal
> e
> >> Seguro
> >>
> >>
>
-------------------------------------------------------------------------
> >>
> >> Solicitamos a quem queira apoiar esta iniciativa
> que
> >> encaminhe
> >>
> >> Mensagens para a Chefia de Gabinete da
> Presidência
> >> da República, Senhor Gilberto Carvalho, no
> e-mail:
> >> protocolo em planalto.gov.br; governo em brasil.gov.br
> >> e/ou entre no site www.planalto.gov.br e envie
> pelo
> >> Fale Conosco.
> >>
> >> Para outras declarações / informações:
> >>
> >> -Taciana Gouveia - Diretora de Fortalecimento de
> >> Desenvolvimento Institucional da ABONG
> >>
> >> Fones: (81) 3222 43 34 / 9182 09 28
> 
=== message truncated ===



	
	
		
_______________________________________________________ 
Yahoo! Acesso Grátis - Internet rápida e grátis. 
Instale o discador agora! http://br.acesso.yahoo.com/


Mais detalhes sobre a lista de discussão Cmi-mulheres